Pesquisa

Nematoides podem comprometer até 100% da lavoura

Fonte: Agrolink 19/01/2016

Um problema que vem crescendo no Brasil e que reduz a produtividade de várias culturas, especialmente da soja, preocupa produtores e pesquisadores: a alta incidência de nematoides

a21d8d02e3c24322bf5b219c243a44e7

Um problema que vem crescendo no Brasil e que reduz a produtividade de várias culturas, especialmente da soja, preocupa produtores e pesquisadores: a alta incidência de nematoides. De difícil identificação, eles comprometem o sistema radicular da planta e podem ocasionar perdas de 30% a 100%. A situação é mais grave no Mato Grosso, mas no Rio Grande do Sul os nematoides também se alastram pelas lavouras.

O alerta é do engenheiro agrônomo e doutor em fitopatologia Fernando Cesar Baida, da empresa Nema Brasil, que na manhã da última quinta-feira (14) proferiu palestra durante dia de campo em Não-Me-Toque, na propriedade do produtor Markus Schmiedt. Participaram produtores e técnicos da Cotrijal e também representantes das cooperativas Cotrisal e Coagrisol.

Além de receber informações importantes sobre como manter reduzida a população de nematoides, já que não é possível eliminá-los das lavouras, os produtores puderam observar a campo a importância do tratamento de sementes. “Foi muito importante, especialmente pela clareza com que o palestrante abordou o assunto. Embora aparentemente não tenhamos problemas, pois compramos da Cotrijal toda a semente tratada, vamos ficar alertas”, disse Emanuel Nienow, do Primeiro Distrito de Não-Me-Toque, que estava acompanhado do irmão Cristian, que acaba de voltar dos Estados Unidos, onde participou de programa de intercâmbio na área de agronomia, através da Universidade Federal de Santa Maria.

Para o associado Zenir Nilo Doneda, de Mantiqueira, Não-Me-Toque, quanto mais informação, melhor. Ele já detectou a presença de nematoides em sua lavoura, mas sem grandes perdas. “É muito bom participar desse tipo de atividade e continuar de olho na lavoura e usando a melhor tecnologia”, afirmou.

Informação de qualidade – Segundo o gerente de Produção Vegetal da Cotrijal, Juliano Recalcatti, o dia de campo, realizado em parceria com a Syngenta e denominado Momento Avicta, foi uma ação visando alertar para a necessidade de o produtor estar atento ao problema dos nematoides. “O controle exige proatividade e estamos mostrando as soluções oferecidas pela cooperativa e de que forma vamos trabalhar o tratamento de sementes na nova Unidade de Beneficiamento de Sementes”, informou.

O que são os nematoides? – São pequenos vermes que vivem no solo e sugam as raízes das plantas.

Eles destroem o sistema de absorção de água e nutrientes, comprometendo o desenvolvimento de culturas como a soja, por exemplo. Não é possível erradicar este parasita, mas o engenheiro agrônomo Fernando Baida recomenda alguns procedimentos para minimizar o problema:

– usar sementes de qualidade – produzidas em campos registrados, beneficiadas corretamente, tratadas com produtos adequados para o controle de nematoides e genética que resulte em boa formação de plantas)
– rotação de culturas
– se possível, usar plantas antagonistas na entressafra (ex: crotalária)

Atenção – A orientação é que o produtor esteja atento nesta safra, vistoriando suas áreas, para identificar a ocorrência de nematoides. “É preciso identificar nesta safra se há algum problema para na próxima adotar as melhores estratégias”, alerta Fernando Baida. O produtor que tiver interesse de fazer análise nematológica deve procurar seu assistente técnico.